Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Caetano Veloso bafeja cancioneiro autoral com o sopro de novidade do clarinete de Ivan Sacerdote

Compartilhe:
caetanoveloso-ivansacerdote1

Sem jamais jogar nota fora, músico se une ao cantor em disco com regravações de nove composições do autor de ‘Trilhos urbanos’.

Resenha de álbum

Título: Caetano Veloso & Ivan Sacerdote

Artistas: Caetano Veloso e Ivan Sacerdote

Gravadora: Uns Produções / Universal Music

Cotação: * * * *

♪ Por também ter sido gravado em Nova York (EUA) e sobretudo por expor Caetano Veloso nu com a própria música, munido da voz e do violão, o álbum Caetano Veloso & Ivan Sacerdote pode remeter conceitualmente ao disco de voz e violão gravado em setembro de 1985 pelo artista baiano na mesma Nova York. Inclusive há música, Trilhos urbanos (1979), recorrente nos repertórios destes dois álbuns calcados na obra autoral do compositor.

Tais similaridades são diluídas pelo sopro de novidade que distancia Caetano Veloso & Ivan Sacerdote – álbum lançado nesta quinta-feira, 16 de janeiro – do já longínquo disco Caetano Veloso (1986). Esse sopro vem do toque do clarinete de Ivan Sacerdote, músico nascido na cidade do Rio de Janeiro (RJ), mas formado musicalmente na Bahia que deu João Gilberto (1931 – 2019) e o próprio Caetano ao mundo.

A menção a João Gilberto tem razão de ser quando se ouve as nove músicas gravadas por Caetano com Sacerdote entre Salvador (BA) e Nova York. A monstruosa sombra de João paira sobretudo sobre as gravações de dois sambossas – Aquele frevo axé e Você não gosta de mim, ambos lançados em 1998 na voz “Gracinha” de Gal Costa – selecionados para o disco, projeto da empresária Paula Lavigne, mulher de Caetano.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebbok

Siga no Instagram

No images found!
Try some other hashtag or username